03/08/15

Resultado do Sorteio de Aniversário!

Quem está mais velhinha nessa segunda-feira linda de meu deus?!?!?! Eu!!
Meu niverzinho este ano foi muito gostoso, ganhei muitos presentes lindos, aproveitei o maridão e eu quero fazer aniversário todo dia agora! 



Conforme o prometido, o sorteio foi realizado pelo Excel mesmo, usando a formula aleatório, só participou quem estava com o e-mail com status "Ativo". Na semana passada, eu avisei algumas pessoas que apareciam na lista com status "Não verificado", muitas não responderam, então, não tinha como fazer, tá?!

video


A vencedora foi a Sara. Eu já enviei um e-mail, pedindo os dados para que eu possa enviar os presentes. A Sara tem 7 dias para responder o e-mail contando hoje, se não houver resposta, eu realizo o sorteio novamente, mas acho que a Sara não vai deixar passar, né?! rsrs

Gente, eu agradeço MUITO todo mundo que participou, de verdade, eu fiquei super feliz. Vocês ajudaram a fazer meu aniversário um pouquinho mais especial também! 
30/07/15

Sobre o "Não sou uma dessas"

Semana passada ou retrasada, minha prima Cacá me apareceu com esse livro "Não sou uma dessas". Gostei do nome, gostei da capa e gostei que as palavras "Sou dessas" que está em rosa. Fiquei animada para ler!

Projeto 1 Livro e 1 Suco

O Livro


Comecei a leitura e...Desceu quadrado. Não se trata de um romancinho, mas sim de um relato da história da própria Lena, contada em situações sem seguir uma ordem cronológica. Ela é verdadeira e conta suas histórias sem vestimentas, simplesmente não tem filtro. Pudor? Nenhum pudor nesse livro. Acabei me assustando com a maneira que ela se expunha página a página. Mas de repente, sem mais nem menos eu me apaixonei!

Ilustração


O livro também conta com algumas ilustrações da Joana Avillez, que além de excelente ilustradora é amiga de longa data da escritora.


Lena Dunham


A Lena é uma escritora fantástica. Terminei o livro com a sensação de "alguém me entende" e "Eu não sou a única?".

O livro pesa muito para o lado sexual da vida da Lena, mas também fala sobre amizades, sobre carreira, sobre família (e sua irmã que é gay), sobre o seu corpo e dietas e tudo mais de "muito pessoal" que você pode imaginar.


Uma das descrições presentes atrás do livro compara Lena ao escritor do "O Apanhador no campo de centeio"  - J. D. Salinger. Achei bastante ousado a princípio, mas vi muitas semelhanças na foma de se expressar e na maneira de expor tudo que vem a mente, sem nenhum tipo de constrangimentos.

A Lena é criadora, roteirista e atriz da série Girls que é produzida pela HBO. Graças a série ganhou diversos prêmios, entre eles o Directors Guild Award por direção de uma série de comédia, ela foi a primeira mulher a receber este prêmio (Girl Power Baby).

No fim, adorei a leitura, um pouco áspera, mas com algumas sutilezas interessantes e perturbadoras.


27/07/15

Chick-Lit - Cinco livros que você precisa ler!

Olá Besteirinhas!

O Post de hoje é um oferecimento da nossa Pequena Jornalista, Carol Daixum, minha amiga/blogueira que tem um dos blogs mais queridos do mundo!!! Ela fez um post muito especial só para nós do "As Besteiras" Eba! Espero que gostem e que visitem o cantinho dela, que vale muito a pena!!

***

A Juju me convidou para falar sobre o que eu quisesse aqui no blog dela. Pensei e decidi escrever sobre livros. Uma das 7 maravilhas do meu mundinho.(do nosso Carol!) ♥ Quem acompanha o meu blog, sabe que sou viciada em literatura chic. Tanto amor por esse gênero! Sempre me identifico com as protagonistas, me apaixono pelos mocinhos (e pelos vilões também) e tiro lições incríveis. 

Então, se você ama embarcar nessas histórias ou quer conhecer um pouquinho mais, selecionei cinco livros que estão na minha lista (imensa) de preferidos e mega indico. ;-) 



1. Menina de Vinte - Sophie Kinsella 


A Sophie ocupa o lugar número um das minhas autoras preferidas. Ela é a culpada pelo meu vício em chic-lit. Já li quase todos os livros dela, mas o meu xodó é: Menina de Vinte. Um livro que te faz chorar de tanto rir e chorar de soluçar mesmo. Vale cada página! 

Sinopse: O espírito da tia-avó de Lara Lington, aparece misteriosamente com o último pedido: Lara precisa localizar um colar que foi dela por mais de 75 anos. Só assim Sadie poderá descansar em paz. Além de encontrar a joia, Lara tem que lidar com "probleminhas" do dia a dia: a sócia fugiu, sua empresa está afundando e ela acabou de ser abandonada pelo homem "perfeito". Nesta divertida história, Lara e Sadie são duas meninas de vinte bem diferentes que vão aprender a importância dos laços familiares e da amizade! ♥

2. Memórias, Malas e Marshmallows - Fernanda França


Das autoras brasileiras, ela é uma das minhas preferidas! Superfofa, querida e com uma escrita leve e apaixonante. Esse livro marcou muito e amei cada parágrafo, gente! Indico muito. Tem a segunda parte, mas essa primeira é especial.  

Sinopse: Após ser despedida do trabalho no dia de seu aniversário, Melissa Moya conhece Theodoro Brasil, seu vizinho, dando início a uma nova amizade que vai permitir que a jornalista realize seu maior sonho: viajar mundo afora. Ela embarca no projeto "América sobre rodas", uma aventura por diversas regiões dos Estados Unidos. Máquina fotográfica na mão, notebook debaixo do braço, Mel vai acabar percebendo que a vida surpreende a cada momento, principalmente quando o assunto é o amor verdadeiro. ♥

3. A Vingança Veste Prada - Lauren Weisberger


A Lauren também está na minha listinha de autoras preferidas desse gênero. Já li alguns e gostei muito. Mas a história "O Diabo Veste Prada" marcou uma fase muito importante da minha vida. Amo os dois livros e o filme e só escolhi esse porque está mais fresquinho na minha memória. Mega indico também. 

Sinopse: A vida de Andy Sachs mudou muito desde os tempos de assistente da poderosa diretora Miranda Priestly. De seu passado na revista Runway restaram apenas pesadelos e ataques de pânico ao se lembrar da ex-chefe e, por incrível que pareça, uma amizade com Emily, antiga companheira de trabalho. Juntas, as duas resolveram fundar uma revista especializada em cobrir glamorosos casamentos. Sofisticada, estilosa e de bom gosto, The Plunge é uma Runway para noivas. Além do seu "novo" trabalho, Andy está prestes a se casar com Maxon Harrison, um dos "melhores" partidos de Nova York. Tudo parece perfeito, mas num segundo tudo está por um fio: sua amizade com Emily, sua nova vida e seu casamento! E tudo isso com a presença pavorosa de Miranda Priestly. ♥

4. I ♥ NY - Teca Machado


Ok. Sou suspeita, porque a Teca (Blog Casos, Acasos e Livros) é minha amiga. Mas ô história linda, gente! Sonho constantemente em encontrar o meu Mateus, um dos personagens literários mais apaixonantes e deixa muito príncipe da Disney no chão. Leitura leve, divertida e que exige caixa de lencinhos do seu lado.  

Sinopse: Alice foi traída pelo namorado Leandro. E o caso foi parar em um vídeo cômico na internet e, claro, ela ficou conhecida como a corna do ano (nacionalmente). Virou até rap! Para completar, seus pais estavam de mudança. Sendo assim, decidiu dar um tempo na sua vida em Cuiabá e passar um tempo na cidade mais amada por ela: New York! Chegando lá, começou a estudar numa grande universidade, fez novos amigos, ganhou um namorado dos sonhos (de qualquer garota) e ficou de queixo caído com o apartamento incrível, o seu novo lar doce lar. Finalmente, a vida sorriu de novo para ela. Mas como diz a irmã dela, Alice não nasceu para ficar no anonimato, nem mesmo em NY. E dessa vez, virou até alvo desses veículos de fofoca. ♥

5. Freud Me Tira Dessa - Laura Conrado


Gente, sabe o que eu mais gosto dos escritores brasileiros? É que eles são mega acessíveis, gente! Não tem aquela coisa de "sou famosinho e esnobe". Eles são gente como a gente. Fofos, incríveis e realmente gostam da profissão "escritor". A Laura virou uma das autoras preferidas. Amo as histórias que ela cria. Divertidas e que funcionam como uma terapia extra pra mim. Selecionei esse livro, pois foi o primeiro que li dela e que me ajudou muito. Impossível não se identificar com a Cat. 

Sinopse: O livro conta a história da jovem Catarina, dona de uma vida amorosa catastrófica. Disposta a rever suas escolhas e entender o que acontece, Cat busca ajuda na psicoterapia. Como se não bastasse o dolorido processo de conhecer a si mesma e de adentrar na relação com os seus familiares, ela simplesmente se apaixona pelo terapeuta Luiz. No auge da angústia, a protagonista recorre ao Freud para sair dessa. Entre confusões, lágrimas, descobertas, risos, Cat passa por uma trajetória de autoconhecimento e aceitação da própria história. E o melhor: com um final nada clichê! ♥

***

Gente, se vocês tiverem um tempinho: vale embarcar nessas leituras! ;) Claro, que a minha lista de chick-lit é gigante: tem muitas autoras incríveis e histórias imperdíveis. Acho que vale um segundo post desse tipo, viu Juju? hahaha  Mas já podem anotar alguns nomes: Marcella Brafman, Jane Costello, Stephanie Perkins, Paula Pimenta, Jennifer E. Smith, Carol Daixum (ahá hahaha em breve, espero), entre tantos outros. 

Espero que gostem!! Obrigada pelo espaço, Juju!  

Beijos, 

***

Carol!! O Espaço está mais que aberto e com certeza queremos esse segundo post que você prometeu (foi uma promessa, né?!rsrsrsMuito obrigada pelo post lindo que você fez. Quem gosta deste tipo de leitura já tem mais alguns livros para colocar na lista!!!



Recadinho: Já está participando do sorteio do livro pocket "O Pequeno Príncipe" + mimos?! Não?! O tempo está acabando! Corre aqui para saber como participar!



23/07/15

Projeto Old Mail - Muitas fotos

Nos dias de hoje, onde toda nossa comunicação se resume a WhatsApp e Facebook, qual é a coisa mais divertida do mundo?! Receber coisas pelo correio! YEEEEYYYY!!! OBRIGADA SEDEX!

Ai... os correios!!

Esse é o Projeto Old Mail e o post de hoje é sobre a segunda rodada.

Segunda Rodada - Guloseimas




A segunda rodada foi um pouco diferente da primeira. Desta vez o sorteio foi para escolher duplas e eu fui a dupla da Kaccau Carvalho (Lindona! Ela tem um blog fofo, vale a pena visitar!) Eu enviei para ela e ela me enviou. 

As Regras:

1 - A carta deve ser prioridade, pois estamos num grupo de troca de correspondências. Bilhetes, quotes são bem vindos também.
2 - Sabe aquela receitinha que você adora fazer? Você vai criar um caderninho de receitas e nas páginas iniciais, além da dedicatória, vai escrever pelo menos 2 receitas que você acha uma delicia.
Sobre o caderno de receitas - Pode ser feito por você, decorado com tecido, papéis coloridos, adesivos, rendas, etc... mas pode ser comprado pronto também. Pode ser grande, pequeno, bloquinhos, o que você achar mais bonito).
3- Crie 5 (cinco) papéis de carta decorados, feito à mão e 5 envelopes decorados na mesma temática. Os papéis de carta podem ser feitos no computador e impressos também. Podem ser feitas colagens, usar origamis e o que mais sua imaginação deixar.
4- Envie também 2 guloseimas.

Os Mimos:

Uma coisa que eu reparei na primeira rodada e que estou sentindo que aconteceu na segunda rodada também é que... Ninguém segue as regras a risca (desculpa Paty Dibona) Acho que nós nos empolgamos e recheamos as caixinhas das nossas mimadas, muito mais do que deveríamos!


Olha como minha caixinha veio recheada!! A Kaccau colocou muito mais coisas do que o projeto pedia!


A Kaccau é ilustradora, ela faz coisas lindas e olha o que ela fez para mim. Estou apaixonada, gostaria de enquadrar, mas vou esperar um pouco, tenha certeza que esse "JuJu" vai aparecer em muitas fotos ainda.
  

Esse é o caderninho de receitas, coisa mais fofa do mundo. Gente, cupcakes são amor na culinária, né? Tudo que é fofo na culinária, tem cupcakes no meio, já repararam? Eu já estou pensando em quais receitinhas vou colocar nele, acho que vou fazer só de doces.


Também ganhei essas borrachinhas fofas, que a Kaccau fez questão de lembrar que eles não são pra comer. rsrsrs. Nem para usar, porque elas são tão lindas, não vou ter coragem de apagar nada com elas. Elas vão enfeitar minha mesa com certeza.


Minha mimadora não economizou nas guloseimas e sinto informar, ela falou para não dividir com ninguém. 
Vou respeitar totalmente sua vontade.


Coisa mais LINDA do mundo essa caneca, fora que ela é a minha cara (os mais próximos entenderão - JuJu é totalmente viciada em chocolate).


E TCHARAM!!! Ela veio recheada de chocolates deliciosos!


Também ganhei picoquinhas!!!! (É assim que eu falo e pronto!)


E gominhas!! Adoro gominhas!! Tudo bem que a gominha de ursinhos se escondeu atrás do caderninho. Ah... também ganhei Mentos (amo muito) mas não saiu nesta foto.


Que sensacional essa forminha de Mickey!! Claro que eu já vou colocar ela pra trabalhar, quero meus gelos todos em forma de Mickeys. Na última rodada a Hida me mandou um mimo quase revelador, como se ela estivesse prevendo o futuro, aí agora a Kaccau me manda essa forminha? Será que essas meninas estão investigando minha vida? Será que elas sabem do que está para acontecer mais do que eu?! (Cenas dos próximos capítulos....)


A Kaccau não parou nas guloseimas e me mandou 5, eu disse CINCO, esmaltes todos com cores lindas que eu acho que vou pintar uma unha de cada cor só pra conseguir usar todos logo!


E esses adesivos de perfumes? Super combinam com meu planner, vou usar todos.


Agora todos juntos. Ali no canto direito estão os papéis de carta decorados (que você vai ver melhor na primeira foto - a Kaccau fez cartões aquarelados maravilhosos) e a minha cartinha, que eu quase chorei quando eu li, a Kaccau foi extremamente fofa comigo, eu não tenho palavras para agradecer as coisas que ela me disse. Fiquei muito feliz de ter ela como dupla. Eu espero que ela tenha gostado tando dos meus mimos, quanto eu gostei dos delas.

Se você gostou do projeto e tem vontade de participar, não se acanhe!! O projeto está de portas abertas, quem quiser participar deve clicar AQUI. Mas vale lembrar que tem que ter a responsabilidade de enviar mesmo a cartinha, depois que confirmar a participação, para que ninguém fique triste, sem receber seus mimos!


Recadinho: Já está participando do sorteio do livro pocket "O Pequeno Príncipe" + mimos?! Não?! O tempo está acabando! Corre aqui para saber como participar!


22/07/15

Como eu viveria no meu lugar fictício favorito

***Esse post faz parte da Blogagem Coletiva de Junho do Rotaroots***


Para começar, qual meu lugar fictício favorito?
São tantos, pensei em Panem, mas lá é um país em guerra, melhor não. 

Meu lugar fictício favorito é:

A Aldeia da Bela



Lá eu seria com certeza a melhor amiga da Bela. Claro! Nos conheceríamos na pequena livraria da Aldeia, trocaríamos dicas de leitura, brigaríamos para pegar nosso livro preferido.


Eu iria na casa dela conhecer as engenhocas do Sr. Maurice. Eu ajudaria ele a criar uma engenhoca para participar do concurso de engenhocas.


O meu lugar favorito seria a fonte que fica na praça principal da cidade, o barulho da água me faria viajar ainda mais pelas histórias dos mil livros que iria ler.



Eu defenderia a Belinha contra as velhinhas fofoqueiras, comeríamos croissants à tarde, passeando pela Aldeia e também conversaríamos sobre as grosserias do Gaston, que sempre pega nossos livros pra falar que são uma porcaria, mas não são!! São lindos contos de fadas!


Até que um dia ela se encantaria por uma Fera que tem uma biblioteca monstruosa no seu castelo.



Ela descobre que faz parte de um conto de fadas e quebra um encanto da Fera que...


 ... Vira um príncipe Lindo. Eu sou madrinha de casamento e tenho acesso liberado na biblioteca que agora é da minha Best Friend Forever - A Bela.


E eu seria feliz para sempre no meio dos L I V R O S ! ! ! ÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓ


`
E vocês, em qual lugar fictício gostariam de viver?

Recadinho: Já está participando do sorteio do livro pocket "O Pequeno Príncipe" + mimos?! Não?! O tempo está acabando! Corre aqui para saber como participar!
18/07/15

Chata do Metrô

Eu não vou ficar aqui filosofando sobre a vida e tentar falar sobre se sentir bem e essa coisa toda que eu costumo fazer aqui. Eu tô Putaaaaa da vida, pode falar puta no As Besteiras?! PODE!




Eu sou educada, eu respeito as pessoas, eu sou um ser humano decente. Mas que caramba! As pessoas são idiotas às vezes! Eu estava fazendo a baldeação entre a linha amarela e a verde do metrô. Eu sou paulistana. Eu ando rápido e as pessoas andam devagar!! Tudo bem, eu sigo meu caminho zigzagueando entre as pessoas sem esbarrar em ninguém, eu não empurro, eu não xingo, mesmo que às vezes eu tenha vontade de gritar na orelha dela "TA DORMINDOOOOO?!?!?!?!" Mas nãoooo, como eu disse sou muito educada! E também tenho noção. Tem dias que as pessoas estão com mais pressa do que eu, nesses dias eu deixo elas me passarem, libero o caminho, abraço minha mochila para nao atrapalhar ninguém.

Hoje, no meu percurso de baldeação tinha uma menina no mesmo ritmo que eu, bem apressadinha. Por duas vezes eu deixei ela entrar na minha frente para ela conseguir manter o passo acelerado, mas quase chegando na linha verde, eu ainda estava acelerada e eu acho que ela tinha cansado (o caminho entre a linha amarela e verde do metro é um pouco longo) eu tentei entrar na frente dela e ela esticou a bolsa dela para me atrapalhar! Não me incomodei, sabia que estava bem a frente dela, achei que eu tinha entendido errado e continuei tentar entrar na frente. Acredita que ela soltou um "ê laia" pra mim?!?! "Ê laia"?!?!?!  Na hora eu parei no meio da muvuca das pessoas andando olhei bem feio pra cara dela (que batia no meu pescoço - obrigada pela altura pai!) e falei "eu te deixei passar 2 vezes e você está me enchendo o saco?" Juro! Ela ficou branca. Não sei se com medo,  com arrependimento ou com vergonha, mas não é para deixar a pessoa puta da vida?! Que que custa?!?! Eu não iria atrapalhar ela. Tanto que eu fui embora e ela ficou lá atrás, cansada.

Ah puxa vida! As pessoas não conseguem fazer as coisas e não querem que você faça! Qual o problema em liberar a passagem se ela não estava dando conta de andar rápido? Eu to falando de um caso besta, mas já reparou no tanto de gente que tenta te desanimar de alguma coisa quando elas mesmas nao são capazes ou não tem a chance de fazer?! (pronto comecei a filosofar... Tava demorando).

Leia os próximos paragrafos com vozinha de gente chata:

"Ah...mas você vai tentar concurso público?!?! Tem que estudar, hein?!"
"Ah... Mas você vai fazer faculdade de arqueologia de dinossauros silvestres rastejantes?!?! Mas esse ramo é difícil.... Como vc vai se manter?!?!"
"Ah.... Mas vc vai gastar todo esse dinheiro?! Viajar pro nordeste nem é tão legal assim... Não eh tão bonito quanto falam não! Você vai gastar dinheiro a toa."

Quer saber?!?! Eu estou cansada de gente assim na minha vida! Que se danem todos vocês! Puxadores de tapetes alheios, invejosos de plantão, empacadores de corredor de metrô. 

Hoje eu não vou pedir para você comentar sobre se você ja passou por isso. Vou pedir para você comentar abrindo seu coração. Se você alguma vez já sentiu seu tapete sendo puxado ou se já colocaram areia no seu pudim, deixe o seu desprezo para essa pessoa! Liberte-se!!!

15/07/15

Discípulas de Carrie - Big Apple

"Discípulas de Carrie" é um grupo de blogueiras que buscam debater questões, realizar discussões e fazer blogagens coletivas, somos vida inteligente na blogosfera! (Roubei essa frase do Altas Horas).

O primeiro projeto do grupo tem como tema os anos 90 - Sim, eu já era uma criança pensante em 1990 - e entre as opções oferecidas eu escolhi a Big Apple que é:

-Publique uma foto sua nos anos 90. Perca a vergonha e compartilhe aquela foto bem característica da época, e conte o contexto dela.

Foi muito gostoso preparar este post. Ter que escolher apenas uma foto é quase uma sacanagem, relembrei momentos que estavam bem guardadinhos no meu coração e entre tantas opções escolhi essa foto aqui.

Nós três


Como eu tive coragem de colocar essa foto horrorosa aqui?!?! Eu tô feia, mas essa foto tem muito amor envolvido. Pelos meus cálculos ela é da noite de natal de 97 ou 98. Esses dois fofuxos são meus primos-irmãos-de-coração. Diz que primo-irmão é aquele que filho do seu tio ou tia, na verdade eles são filhos dos meus primos-irmãos, mas nós convivemos tanto e aprontamos tanto juntos que faz de conta que eles são de primeiro grau mesmo!

Engraçado a mania que crianças tinham de fazer "chifrinhos" uns nos outros e os adultos também. Hoje em dia não vejo meus primos mais novos fazendo isso, mas olha só eu fazendo um "Rock,n roll" na cabeça do Pê e ele fazendo um "Paz e amor" na minha. A Cacá era pequenininha ainda, porééééém não se deixe enganar pelo vestidão longo e volumoso, ela era tão ardida quanto os mais velhos.

Nosso relacionamento sempre foi muito próximo. Nas férias eu me enfiava na casa do Pê, que morava no mesmo prédio que a Cacá. Nós crescemos, outros primuxos vieram. Eles ficaram cada vez mais lindos e eu só melhorei o cabelo, mas o carinho e as histórias que vivemos permanecem na memória.

Espero que tenham gostado do post, porque eu amei fazê-lo. 

Sobre as Discípulas de Carrie

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...